Como limpar os genitais do bebê

 

 

Como limpar os genitais do bebê

Para as novas mamãs, a higiene dos genitais do bebê pode ser uma grande incógnita.



>A mudança da fralda

Em cada mudança de fralda deve fazer-se uma higiene externa dos genitais. No entanto, a higiene torna-se mais complicada quando o bebé fez cocó de que se somente fez chichi.Quer se trate de meninos ou de meninas, a higiene pode realizar-se com um algodão embebido em óleo de limpeza para bebé, ou então com toalhitas húmidas para bebé, que sejam hipo-alergénicas e não contenham álcool.

O banho diário

Por uma questão de higiene, na hora do banho tanto para as meninas como para os meninos convém começar pela cabecinha, e continuar depois pelas preguinhas do pescoço, pelo tórax, as axilas, as costas, os braços, as pernas e os pés.Por último, devem limpar-se os genitais. A higiene deve realizar-se com um gel ou sabonete neutro. Para evitar assaduras, depois do banho é preciso secar bem o corpo todo especialmente na zona das pregas.

A higiene das meninas

Antes de começar a higiene da bebé, deite-a de costas sobre o mudador.Levante-lhe as perninhas, segurando-as pelos tornozelos com uma das mãos enquanto que efetuar a limpeza com a outra.A higiene dos genitais deve realizar-se sempre da frente para trás (desde a vulva até ao ânus), para evitar que restos de matéria fecal penetrem na vagina, o que poderia ocasionar infecções.Ao limpá-la, não deve esquecer as preguinhas da virilha.Também deve limpar com muito cuidado e suavemente a zona entre os lábios maiores e os lábios menores, abrindo-os suavemente com as mãos.Nunca deve limpar-se o interior da vagina.A limpeza deve realizar-se de forma suave, sem brusquidão, em especial se se trata de bebés recém-nascidas, dado que os genitais podem encontrar-se muito inflamados.Nunca deve colocar cremes nem pós na vulva.

A higiene dos meninos

Tal como para as meninas, a higiene dos genitais dos meninos também deve ser externa.Comece a higiene pelas pregas da virilha.Seguidamente, limpe o pénis e os testículos.Nunca se deve puxar o prepúcio (a pele que recobre a glande).Levante com cuidado e suavemente o pénis para limpar a zona entre ele e os testículos. Salvo que o bebé tenha o rabinho assado, não é necessário colocar cremes.

O banho de esponja

Se o bebé é recém-nascido e ainda não lhe caiu o cordão umbilical, não se lhe pode dar um banho de imersão, pelo que a higiene diária deve realizar-se mediante o banho de esponja.A higiene deve efectuar-se da mesma maneira como se tratasse de um banho de imersão.Recomenda-se utilizar diferentes pedaços de algodão para as diferentes partes do corpo, de maneira a evitar o contágio de infecções.Os genitais devem limpar-se com um algodão embebido em água morna ou em óleo para bebe, ou também com toalhitas húmidas.A higiene externa do pénis deve efectuar-se sem fazer deslizar a pele que o cobre.Os genitais das meninas devem limpar-se da frente para trás.

E agora, a fralda

Quando os genitais já estiverem limpos, ou depois de ter dado banho ao bebe, é o momento de colocar a fralda.Segure as perninhas com uma mão, e com a outra coloque a fralda limpa debaixo do rabinho do bebe.Depois, baixe as pernas do pequenino, levante à parte da fralda que passa entre as perninhas e feche-a utilizando as cintas adesivas.A fralda não deve ficar frouxa, nem demasiado apertada.

O que fazer quando a assadura dá as caras

Elas incomodam muito os bebês e atormentam os pais. Saiba evitar essa irritação tão comum nos primeiros meses de vida dos pequenos

1. O que é assadura?

É uma reação inflamatória da pele desencadeada pelo contato com substâncias irritantes produzidas por urina e fezes retidas na fralda. Não por acaso, também é conhecida como dermatite de fralda, um problema bastante comum em bebês. Diversas causas contribuem para o desenvolvimento da assadura - caracterizada principalmente por vermelhidão e irritação, que pode evoluir para descamações, erupções e até sangramentos, em casos mais raros. A umidade da fralda suja favorece a absorção das toxinas irritantes a pele do bebê. Já a fricção ajuda a esfolá-la. E tanto a falta da luz solar quanto o calor contribuem para a proliferação de alguns fungos intestinais, que também podem provocar assaduras.

2. Como prevenir?

Evite o uso de lenços umedecidos para limpar o bebê. Prefira água

morna e algodão. Pelo menos até os 9 meses, vale a pena deixar uma

garrafinha térmica com água e um pote com algodão junto ao trocador

. Lenços, somente quando for sair. Os cremes preventivos, a base de

óxido de zinco, também são fundamentais para evitá-las, pois

funcionam como uma barreira mecânica as substâncias causadoras da

irritação. Passe em cada dobrinha sempre que trocar a criança, o que

deve acontecer de oito a dez vezes por dia, nos bebês mais novos.

Aliás, toda vez que for possível, procure deixar seu filho alguns

minutos sem fralda. Se o bebê ainda mama no peito, é recomendável

que a mãe evite alimentos muito ácidos ou condimentados. O mesmo

vale para bebês que já ingerem sólidos. Frutas ácidas, como abacaxi,

morango, laranja e pera, podem favorecer as assaduras.

3. Devo usar fralda de pano ou descartável?

A fralda descartável é uma das grandes responsáveis pela redução da incidência de assaduras em bebês. Elas facilitam a vida dos pais ao eliminar as eternas lavagens e permitir que a criança permaneça com a peça por mais tempo. Mas, se as trocas forem frequentes, as fraldas de pano causam menos dermatites. É que elas deixam a região mais arejada e tendem a irritar menos a pele

4. Quando devo tirar a fralda da criança?

Cada criança tem sua etapa de desenvolvimento, e não existe regra

para isso. Em relação ao problema das assaduras, o que se sabe é que

por volta dos 2 anos, a criança passa a ter hábitos alimentares mais

favoráveis as dermatites de fralda. A comida fica mais ácida e

contribui para a liberação de substâncias irritantes a pele nas fezes e

na urina.

 

 

5. É verdade que meninas desenvolvem mais assaduras do que

meninos?

 

Não, os riscos sãos os mesmos. Na verdade, a qualidade da higiene é

mais importante do que o sexo da criança. Assim como a quantidade de

dobras e o tamanho de sua superfície de contato. Não por acaso os

bebês rechonchudos sofrem mais com o problema

6. O problema tende a piorar no verão?

Sim, o calor favorece a transpiração, principalmente onde o elástico

da fralda aperta. O suor e a fricção podem levar a uma dermatite. As

altas temperaturas também costumam abafar ainda mais as partes

cobertas pela fralda, contribuindo para a multiplicação de fungos

causadores de assadura. Mas é importante não confundir assadura com

brotoeja, que são erupções associadas a problemas de transpiração.

 

7. Todas as assaduras têm a mesma causa?

Trata-se de uma inflamação de causas diversas. Mas, em geral, o

problema ou é causado pelo contato da pele com substâncias

irritantes, em geral enzimas de fezes, ou por micro-organismos, os fungos.

 

8. Como se deve tratar cada uma delas?

Nos casos mais leves, o tratamento é o mesmo, independentemente da

causa. Em primeiro lugar, lave bem a região com água morna e sabão

neutro ao banhar o bebê. Durante as trocas de fralda, que devem se

tornar ainda mais frequentes, faça a higiene com 120 ml de água morna

e uma colher de sopa de bicarbonato de sódio. Procure não esfregar o

algodão com muita força na hora da limpeza. Prefira batidinhas leves.

Se for o caso, deixe eventuais excessos do creme de barreira, mas sem

comprometer a qualidade da higiene. Antes de colocar a fralda

, certifique-se de que o bebê está bem seco. Aliás, procure deixar a

criança mais tempo sem fralda. Em casos mais graves ou persistentes

, procure um médico. Ele pode prescrever pomadas específicas, como

as antimicóticas, ou recomendar a troca do tipo ou da marca da fralda.

quarta 18 abril 2012 11:06



1 Fan


2 comentário(s)

  • vaneesa Sáb 09 Nov 2013 20:16
    È muito bom pode rl~e sobre esses assuntos e tira as nossas duvídas
  • guidode Ter 12 Jun 2012 21:50
    Quero ser seu amigo
    Boa Tarde sejas feliz,voce é a pessoa mais importante do mundo, ninguem é identico a ti.
    Obrigado pela sua amizade e tanto apoio e carinho,beijos e abraços.
    Guidode


Seu comentário :

(Opcional)

(Opcional)

error

Importante: comentários racistas, insultas, etc. são proibidos nesse site.Caso um usuário preste queixa, usaremos o seu endereço IP (54.226.188.142) para se identificar     



Abrir a barra
Fechar a barra

Precisa estar conectado para enviar uma mensagem para mayaraa

Precisa estar conectado para adicionar mayaraa para os seus amigos

 
Criar um blog